Notícias

< voltar
23/Jan/2020 - 14:09 - Atualizado em 27/Fev/2020 - 12:13

Fundo WE prorroga inscrições para ideias e startups de empreendedoras

Iniciativa Women Entrepreneurship - WE aceita inscrições até 07/02 para mulheres empreendedoras, que querem empreender ou já têm uma startup.


Por Redação

We - Inscrições prorrogadas

O WE (de Women Entrepreneurship) fará aportes em 25 startups com mulheres sócias nos próximos cinco anos. Para as startups em fases iniciais serão realizados investimentos entre R$ 50 mil e R$ 500 mil, os quais serão realizados diretamente pelo TheWe.Studio. Já as startups mais maduras receberão investimentos entre R$ 500 mil e R$ 5 milhões, os quais serão realizados diretamente pelo Fundo We.

Para se inscrever, é necessário: possuir residência no Brasil, ser sócia fundadora de uma startup, com pelo menos 20% de participação acionária em uma empresa de base tecnológica, em qualquer estágio de desenvolvimento, ter espírito empreendedor, disponibilidade para participar do programa da WE e querer gerar valor. Para acessar o formulário de inscrição, acesse o link

Os requisitos necessários para a startup ser elegível no programa são:

  • Para todas as fases: Maioria ou totalidade de mulheres em posição de liderança e no quadro societário, com no mínimo 20% de participação. Ter um negócio em qualquer fase de desenvolvimento, desde que seja de base tecnológica. Ter espírito empreendedor. Possuir residência no país.
  • Para a fase de ideação:
    Mínimo: Vontade de empreender Ideal: Empreendedoras tentando resolver uma dor real de um público específico, buscando montar um modelo de negócio repetível e escalável, que traga algum tipo de inovação para um grande mercado.
  • Para a fase de pré-operação:
    Mínimo: Startup com ao menos um cliente pagante Ideal: Todos os pontos acima, mais: ter ao menos um cliente pagante, comprovar que consegue resolver o problema do cliente através de resultados concretos e validações, tamanho de mercado calculado, visão clara e estratégia para alcançá-la.
  • Para a fase de operação:
    Mínimo: Já ter vendido para um número razoável de clientes (esse número vai variar em função do modelo de negócios e público alvo) e ter todos esse clientes com os problemas resolvidos dentro de um mesmo processo. Ideal: Todos os pontos acima, mais: padrões do negócio identificados e relações de causa e efeito mapeadas (entender o motivo de cada resultado, seja ele negativo ou positivo), processos organizados e repetíveis, faturamento estável, clareza de job to be done, proposta de valor, persona e diferencial competitivo
  • Para a fase de tração:
    Mínimo: Começar a demonstrar uma curva de crescimento recorrente. Ideal: Todos os pontos acima, mais: crescimento de no mínimo 30% ao mês, por no mínimo três meses consecutivos, produto maduro, estratégia de crescimento funcional e boa performance do funil de vendas.

Sobre o Fundo WE

A iniciativa WE faz parte de uma série de ações concebidas pela Microsoft para estimular o desenvolvimento e a democratização do uso da Inteligência Artificial (IA) no Brasil e, dentre elas está a criação de projetos que gerem um impacto social sustentável no nosso país.

O “Fundo WE” será dedicado ao desenvolvimento de iniciativas disruptivas, de base tecnológica, que tenham pelo menos uma mulher como sócia do empreendimento. O objetivo é contribuir significativamente para endereçar esta importante lacuna existente na economia brasileira.

A baixa participação de startups de base tecnológica, que possuam mulheres na liderança - no Brasil o percentual é de apenas 2%, segundo pesquisa do Distrito 100 Super Founders, é percebida pelas dificuldades das empreendedoras na busca de qualificação para gerir o negócio ou pelas barreiras culturais do ambiente corporativo e das startups, que tem em sua maioria homens como fundadores. O Fundo WE tem o objetivo de captar R$ 100 milhões em até cinco anos e já nasce com R$ 30 milhões captados. Os aportes nas startups irão de R$ 500 mil a R$ 5 milhões.

Atualmente, é baixa a oferta de capital semente, algo agravado em startups com mulheres sócias. Por este motivo, o foco do Fundo WE é apoiar, por meio de investimento, as startups comandadas por mulheres durante uma fase conhecida como “vale da morte”, na qual existe um alto risco de mortalidade e os recursos financeiros estão abaixo do necessário para permitir que a startup consiga expandir os seus negócios rapidamente.

##Empreendedorismo#GirlPowerFavoritar

Fonte: weventures.com.br/

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.