Notícias

< voltar
14/Out/2020 - 00:00 - Atualizado em 14/Out/2020 - 15:22

O que é Inovação Aberta?

Como funciona o processo que tem conquistado cada vez mais espaço na inovação corporativa e pública.


Por Redação

Os processos de inovação dentro de empresas, principalmente grandes indústrias, dependem da criação de uma área especializada, ou um departamento de Pesquisa e Desenvolvimento. A empresa possui um grande investimento em funcionários e pesquisadores responsáveis pelo desenvolvimento de novas tecnologias e produtos, além de centralizar todas as etapas desse processo. 

No entanto, alguns desafios mapeados por essas empresas, e até mesmo soluções que estão em desenvolvimento internamente, podem estar disponíveis ou solucionáveis no mercado. À partir disto e visando a eficiência desses recursos humanos, financeiros e a diversidade de iniciativas surge o movimento de Open Innovation (inovação aberta) criado pelo pesquisador Henry Chesbrough.

O intuito é apoiar o desenvolvimento de soluções previamente existentes que contribuam com a diminuição dos impactos de um problema corporativo existente nessa organização, de maneira colaborativa envolvendo universidades, startups, governos, clientes etc. Com o passar do tempo essa forma de resolução de problemas extrapolou as barreiras privadas e hoje está presente também no 3º setor e na administração pública, como o Hub MG.

Inovação aberta no governo

Para alavancar a inovação nas grandes e médias empresas de Minas Gerais, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, em 2016, criou o Hub MG,  um programa de inovação aberta que apoia o setor público e as médias e grandes empresas mineiras a se manterem inovadoras, conectando desafios relevantes à soluções tecnológicas ao redor do mundo, por meio do Ciclo de Inovação Aberta com o mercado e academia.

O Ciclo de Inovação Aberta do Hub MG tem duração média de 5 meses onde e as empresas passam pelos seguintes processos: 

  • a definição e aprofundamento do desafio levantado pela organização;
  • a prospecção e avaliação de soluções tecnológicas ao redor do mundo que sejam capazes de mitigar o desafio apresentado;
  • a conexão das soluções mais aderentes à organização;
  • a realização de testes pagos da organização para a solução tecnológica e o acompanhamento dos testes realizados.

Atualmente, o Hub MG já atendeu a 30 organizações no Ciclo de Inovação Aberta com a realização de 33 testes de soluções tecnológicas. E para saber mais, enviar um desafio ou conhecer os ciclos que estão em desenvolvimento, envie um email para: hubmg@mg.gov.br

#desenvolvimentomg##inovacaoabertaFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.