Notícias

< voltar
07/Set/2017 - 00:00 - Atualizado em 06/Set/2017 - 13:40

ONU lança biblioteca digital com 900 mil documentos à disposição do público

Plataforma será o ponto de acesso global à informação das Nações Unidas, incluindo material histórico e registros contemporâneos


Por Redação
Crédito: Reprodução/ONU


A Organização das Nações Unidas (ONU) lançou no mês de maio um repositório que conta, atualmente, com cerca de 900 mil registros. Segundo a organização, a plataforma será o ponto de acesso global à informação das Nações Unidas, incluindo material histórico e registros contemporâneos.


A plataforma fornece acesso a materiais produzidos pela organização em formato digital e sem custo algum para o público. O projeto faz parte de um esforço de promover a transparência, o livre acesso à informação e a preservação do acervo documental da ONU.

A biblioteca foi desenvolvida por meio de tecnologia de código aberto pela Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear (CERN) e engloba métricas de administração e de código aberto.

O sistema incorpora conteúdo apresentado em diversos bancos de dados autônomos, como o Sistema de Informação Bibliográfica da ONU (UNBISNET) e o Sistema de Documentos Oficiais das Nações Unidas. No total, são quase 900 mil registros, número que, segundo a ONU, aumenta diariamente.

Ainda de acordo com a organização, entre os documentos disponíveis estão documentos oficiais da ONU e publicações de acesso público, discursos e dados de votações nos diferentes órgãos da organização, mapas, resoluções, atas de reuniões e uma diversa coleção de documentos institucionais.

A plataforma está disponível nos seis idiomas oficiais da organização, além de alguns outros não oficiais.

Para utilizar a Biblioteca Digital da ONU, os usuários devem acessar a página e realizar a busca utilizando os diferentes filtros, como tipo de documento ou órgão, agência ou organismo do Sistema ONU. O conteúdo também está disponível para download.

Clique aqui e acesse o repositório. 

#ONU#bibliotecadigital#acervo#documentosFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.