Notícias

< voltar
23/Set/2016 - 10:59 - Atualizado em 26/Set/2016 - 14:57

Para concorrer com o Uber, empresa espanhola chega em BH

Carros do Cabify começam a atuar em Belo Horizonte no início de outubro. Taxa do serviço é mais barata que táxis e mais cara que o Uber.


Por Redação
Belo Horizonte já conta com mais de mil candidatos a motoristas cadastrados no Cabify.
Crédito: Cabify

Belo Horizonte ganhou mais um serviço de transporte de passageiros. A Cabify, empresa espanhola, funciona com aplicativo de forma semelhante ao Uber. Por aqui, o modelo a ser lançado é a versão Light, que representa uma tarifa entre 10 % a 15% mais barata do que táxis e de 10% a 15% mais cara do que o Uber.

Ainda não há definição de valor, mas a forma de medição será por quilômetro rodado e não por tempo de viagem, o que pode ser uma vantagem em casos de congestionamentos. Para rodar pelo Cabify, não há exigência de cor dos veículos, mas eles devem ser sedan e ter menos de cinco anos de uso.

A empresa dá liberdade para o motorista rodar quantas horas quiser, mas dá preferência aos que trabalhem por mais de seis horas. Para ser aceito, o motorista-parceiro terá de passar por teste de direção, exame toxicológico, avaliação psicológica, além de ter o carro vistoriado. Dentro do serviço, assim como acontece no Uber, o motorista será avaliado pelos clientes.

O gerente da Cabify Brasil, Daniel Velazco-Bedoya garante que o tempo de atendimento do cliente não deve demorar mais do que cinco minutos. “Eu brigo por um público que é mal atendido pelo Uber. Pretendemos oferecer uma qualidade de serviço melhor”.

Vaga

A empresa está procurando por profissionais de Marketing para atuar em Belo Horizonte. O profissional será responsável pelo planejamento e execução de todas as atividades de marketing da cidade, incluindo principalmente o recrutamento de utilizadores (empresas e particulares) e, por vezes, o recrutamento de motoristas. Para mais informações, acesse aqui.

Com informações do Estado de Minas.

#uber#aplicativo#cabify#táxi#transporteFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.