Notícias

< voltar
20/Jul/2018 - 00:00 - Atualizado em 20/Jul/2018 - 10:55

Robô é capaz de fazer até 120 pizzas por hora

A startup francesa Ekim busca empresa local para abrir seu primeiro restaurante; cliente poderá pedir pedir pizza por tela sensível ao toque


Por Redação Belo Horizonte/MG
Crédito: Divulgação/Ekim

Pizza! Tem gente que só de ouvir o nome dessa maravilha da culinária italiana já fica com a boca cheia d’água. Agora, a comida apreciada em diversos países do mundo tem um rival: o robô da startup francesa Ekim que promete fazer "redondas" de muçarela e calabresa 24 horas por dia. Com três braços capazes de rodar a massa e cobrir a pizza de recheios, a empresa busca um restaurante para implementar a sua criação.

Segundo o presidente executivo da Ekim, Phillipe Goldman, apesar de o robô ser super ágil, ele não é mais rápido que pizzaiolos porque uma pizza leva 4 minutos e meio para ficar pronta. ‘As pizzas são feitas na frente do consumidor, sob demanda, o que leva tempo para colocar os ingredientes e para que elas assem bem". Mas de acordo com Goldman, como o robô tem três braços, ele pode fazer várias tarefas ao mesmo tempo. “Podemos entregar uma pizza a cada 30 segundos", aponta.

Já em fase de testes nos subúrbios de Paris, o robô consegue entregar uma média de 120 pizzas por hora, enquanto um pizzaiolo médio pode fazer apenas 40 pizzas no mesmo tempo, segundo a startup. Mas tem gente que contesta a qualidade do serviço prestado, pois acredita que o trabalho humano, neste caso, não pode ser substituído. "Um ser humano é mais rápido que o robô, porque ele sabe se a massa está realmente boa ou não", disse o pizzaiolo Vittorio Monti, que tem a própria pizzaria em Paris. "O robô não vai ser capaz de identificar esses problemas”, pontua.

Segundo a startup, o objetivo é ter algo parecido com uma máquina de venda automática: o consumidor poderá usar uma tela sensível ao toque para escolher uma série de sabores de pizza, da tradicional marguerita a quatro queijos.

"As pessoas hoje têm menos tempo para comer. É difícil achar meia hora para almoçar. Muitas vezes, é preciso escolher entre tempo e qualidade de comida. Estamos tentando resolver ambos", disse Goldman.


#pizza#robôfazpizza#startupfrancesa#ekimFavoritar

Fonte: Terra

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.