Notícias

< voltar
15/Mai/2018 - 07:00 - Atualizado em 14/Mai/2018 - 18:04

Censo quer mapear todas as startups do agronegócio brasileiro

2º Censo AgTech Startups Brasil é fruto de uma parceria entre a AgTech Garage e a Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"


Por Redação Belo Horizonte

Startups e empresas de base tecnológica aplicadas ao agronegócio já podem se cadastrar no 2º Censo AgTech Startups Brasil. O levantamento, realizado pela AgTech Garage em conjunto com a Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz", da Universidade de São Paulo (USP), tem como objetivo reunir e organizar informações que auxiliem a criação de iniciativas de fomento ao ecossistema, como atração de investimentos, sensibilização dos produtores rurais, programas corporativos de inovação aberta, definição de políticas públicas, entre outras.

Além de criar um infográfico com os resultados do censo, a ideia é produzir a primeira versão do quadro de AgTechs brasileiras, seguindo os modelos publicados em outras regiões do mundo, como o levantamento de AgTechs de Israel, feito pela pela Startup Nation Central, e o censo de startups da África, realizado pelo The Seed Projects.

O primeiro censo de AgTechs brasileiras, realizado em 2016, contou com a participação de 76 startups que forneceram diversas informações, como área de atuação, tempo de mercado, faturamento e fontes de financiamento. O resultado permitiu análises e a identificação de problemas como a falta de investimentos em empresas no estágio inicial e o baixo número de investidores privados, como fundos e aceleradoras.

Para cadastrar sua startup no 2º Censo AgTech Startups Brasil, clique aqui.

AgTech Garage

A AgTech Garage é um Hub de inteligência e conexão focado no ecossistema de startups tecnológicas do agronegócio brasileiro. Sua missão é promover o amadurecimento do ecossistema e fomentar a aproximação e cooperação entre startups e as grandes empresas que atuam no agronegócio. A AgTech Garage é patrocinada pelas empresas DPA Brasil, Fermentec, Genesis Group, John Deere, Ourofino e Bayer.

#startups#censo#AgtechsFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.