Notícias

< voltar
09/Ago/2017 - 22:15 - Atualizado em 10/Ago/2017 - 11:13

Cities reúne milhares de participantes com o objetivo de gerar um ciclo virtuoso de inovação

Evento realizado em Uberlândia durante dois dias traz muito conteúdo, tecnologia e novos negócios ao Triângulo Mineiro


Por Renato Carvalho/SIMI Uberlândia
Leonardo Dias, subsecretário da Sedectes, Marcos Mandacaru, do P7 Criativo, e Fábio Veras, da Fiemg, destacaram que Minas Gerais é o lugar certo para investir e inovar
Crédito: Renato Carvalho/SIMI

Teve início nessa quarta-feira, 9 de agosto, o CITIES - Congresso Internacional de Tecnologia, Inovação, Empreendedorismo e Sustentabilidade, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro. O evento é promovido em parceria pelo Grupo Algar, Fiemg, Sebrae, Prefeitura e Governo de Minas Gerais, por meio da Sedectes.

Com uma programação recheada de muito conteúdo de qualidade, o Cities é realizado no bairro Granja Marileusa, projetado baseado nos ideais de smart cities, aliando tecnologia e qualidade de vida.

Além de palestras, o público pode interagir com novas tecnologias e negócios que estão sendo apresentados. Para o assessor de Inovação do Grupo Algar, José Mauro Floriano, principal responsável pela execução do Congresso, a proposta do evento é conectar agentes de inovação e sonhar grande.

“Unimos o ecossistema, convidamos universidades, temos o Governo junto e a sociedade validando. Minas Gerais tem um potencial enorme, talentos incríveis. Temos que dar espaço a essas pessoas e motivar as pessoas para gerarmos um ciclo virtuoso”, explicou.

Floriano, assessor de Inovação do Grupo Algar, é o responsável por organizar o Cities
Crédito: Renato Carvalho/SIMI

Minas: o lugar certo para investir e inovar

Um dos principais painéis teve como tema “Por que Minas Gerais é o lugar certo para se investir em inovação e tecnologia”. O subsecretário de Ciência, Tecnologia e Inovação da Sedectes, Leonardo Dias, o superintendente de Desenvolvimento de Novos Negócios da Fiemg, Fábio Veras, e o co-idealizador do P7 Criativo, Marcos Mandacuru, explicaram o potencial do Estado.

O subsecretário apresentou os programas da Sedectes, como a Finit, Seed, Meu Primeiro Negócio, Hub Minas Digital, entre outros, como forma de levar inovação e empreendedorismo para todo o estado. Fábio Veras aproveitou o gancho para destacar que “Minas Gerais nunca investiu tanto em inovação e tecnologia quanto atualmente”.

Ele ainda destacou que o estado conta com comunidades de startups que acolhem aqueles que querem empreender no mundo digital. “Temos um espírito de comunidade muito grande”, disse.

Por fim, Mandacaru afirmou que os mineiros precisam “vender” mais o estado, divulgar seus feitos e projetos aqui desenvolvidos.

Finit Tour

O Cities conta ainda, dentro de sua programação, com a Finit Tour, evento que vai levar um pouco da Feira Internacional de Negócios, Inovação e Tecnologia (Finit) ao interior mineiro. Além de integrar e acelerar o processo de desenvolvimento dos 17 polos de inovação do estado, o tour é uma oportunidade de agregar mais conhecimento e networking ao ecossistema local, fortalecendo ações do governo no interior do estado.

Startups se apresentaram durante o 100 Open Startups
Crédito: Renato Carvalho/SIMI

Em Uberlândia, no primeiro dia, a Finit Tour trouxe o Demoday do 100 Open Startups, que possibilitou que mais de uma dezena de startups se apresentassem a uma banca e ao público presente.

Já nesta quinta, a Finit Tour traz a Campus Night: um pedacinho da Campus Party para a cidade. As próximas edições da Finit Tour serão em Itajubá (26/08), Montes Claros (1º/9), Juiz de Fora (19/09), Coronel Fabriciano (29/09) e Teófilo Otoni (17/10).

Confira cobertura da TV Simi:

#empreendedorismo#sustentabilidade#startups#negócios#MinasDigitalFavoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.