Notícias

< voltar
19/Abr/2016 - 12:21

Quebrou o carro? App ajuda motoristas com carro estragado no trânsito

Reboque.me é um aplicativo de assistência 24 horas com rede de serviços de reboque, troca de pneus, carga de bateria e de combustível


Por Paula Isis/SIMI Belo Horizonte


Samuel Freire e Maurício Terra, sócios da Reboque.me

Cerca de 60 milhões de carros circulam pelas vias brasileiras sem a cobertura de uma seguradora, segundo dados da Federação Nacional de Seguros Gerais. (FenSeg). Isso representa mais de 70% da frota nacional. De olho neste mercado, a startup mineira Reboque.me lançou, em junho de 2015, um aplicativo que está inovando o atendimento a estes motoristas.

A ideia surgiu a partir da observação do fundador da startup, Samuel Freire. “Eu via as pessoas com celular nas mãos quando o carro estava parado, então eu pensei: porque não fazer um app para ajudar esses motoristas com carros enguiçados?”.

Após uma análise dos serviços de assistência 24h, conversas com guincheiros e com pessoas que não possuem seguro, a startup decidiu lançar um serviço on-demand e sem mensalidade, no qual você só paga quando precisa ter seu carro rebocado, ou utilizar alguns dos serviços oferecidos pelo app. “O aplicativo é gratuito tanto para os guincheiros quanto para o usuários”, ressalta o fundador da startup.

Com apenas um clique, o usuário tem em suas mãos uma cartela de serviços como, reboque, troca de pneus, carga de bateria e de combustível. O aplicativo disponibiliza ao usuário informações sobre os reboques que estão mais próximo, o que diminui o tempo de espera do motorista, além de oferecer mais segurança.

Como funciona?

De acordo com Samuel, ao acionar o serviço, o aplicativo calcula a distância entre guincheiro, cliente e destino final, e envia automaticamente o preço e o tempo de espera. “Em média, nossos clientes recebem essa informação em até três minutos”. Ainda de acordo com o fundador da Reboque.me, o valor é calculado com base em raios de quilometragem que variam de 15 a 30km. Para o raio de 15 km é cobrado um valor de 99 reais.
Quando o cliente aceita o serviço, “ele imediatamente passa a ver o guincho indo até ele, em um mapa no próprio aplicativo. O cliente sabe que tem alguém vindo para socorrê-lo, o que proporciona mais segurança”, explica. O pagamento é feito em dinheiro, mas Samuel afirma que em breve o usuário poderá pagar por cartão de crédito, o que segundo ele, proporcionará mais segurança e comodidade, já que muitas pessoas não andam com dinheiro em mãos.

Expansão

Lançada em junho de 2015, a plataforma já teve mais de 2 mil downloads e conta com mais de 400 parceiros em sua base que atende os estados de Minas Gerais, Rio e São Paulo. Samuel afirma que existe um processo de expansão para que a Reboque.me também comece a atuar no Distrito Federal, Espirito Santo e Bahia. “O nosso objetivo é levar a empresa para todo o país ainda este ano.”, comenta.

A Reboque.me está disponível para Android e IOS e o download é gratuito tanto para clientes, quanto para parceiros.

 Favoritar

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.