Notícias

< voltar
11/Ago/2020 - 00:00

Universidade Federal de Lavras desenvolve cimento sustentável e de baixo custo

Pesquisa da UFLA utiliza materiais alternativos para a construção de painéis de cimento


Por Da Redação Minas Gerais
Cimento alternativo é eficiente e tem baixo custo

Os materiais alternativos estão cada vez mais presentes em projetos de engenharia, por possuírem custos menores, facilidades de uso e  aproveitamento de matérias primas que geralmente seriam descartadas na natureza. O Departamento de Engenharia Agrícola da Universidade Federal de Lavras (DEA/UFLA) desenvolveu uma pesquisa para produzir materiais de baixo custo e com bom conforto térmico e acústico para aplicação direta no setor de construção civil em geral.  O projeto foi financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig).

O objetivo da pesquisa foi produzir compósitos cimentícios do tipo painel com a adição de diferentes tipos de resíduos lignocelulósicos, como bagaço de cana de açúcar, eucalipto, casca de café, pseudocaule de bananeira e casca de coco. Também foram avaliados os efeitos dessa adição sobre a qualidade dos painéis. 

Esses compósitos cimentícios são painéis fabricados a partir de uma mistura de cimento, aditivos químicos e partículas geradas a partir de materiais lignocelulósicos, que são misturados em betoneiras. Após a mistura, a massa é colocada em formas de metal e levada para ambiente climatizado por 28 dias, para a cura. Esses produtos combinam as boas qualidades do cimento (resistência relativamente alta à água, fogo, fungos e cupins acoplados) com as de materiais lignocelulósicos (alta resistência ao peso e trabalhabilidade).

De acordo com a professora Patrícia Ferreira Ponciano Ferraz, a pesquisa é um grande avanço tecnológico e social. “Resíduos agrícolas antes descartados ou queimados servirão para produzir compósitos com menor preço, tornando o produto mais acessível à população de baixa renda, além de contribuir para a sustentabilidade”. Outro ponto importante destacado pela pesquisadora é a busca por produto de maior isolamento térmico e acústico.

Saiba mais sobre o projeto no site da Ufla.

Leia a coluna Ciência em Minas e conheça mais do que é produzido no âmbito científico no estado. 

#fapemig#ufla#CiênciaEmMinas#engenhariacivilFavoritar

Fonte: https://ufla.br/noticias/pesquisa/13870-pesquisa-da-ufla-utiliza-materiais-alternativos-para-a-const

Comentários

As opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores, não serão aceitas mensagens com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência. Clique aqui para acessar a íntegra do documento que rege a política de comentários do site.